Em formatura do Proerd, 600 crianças de São Mateus do Sul dizem não às drogas e à violência

Aproximadamente 600 crianças dos quintos anos de escolas municipais de São Mateus do Sul receberam o certificado de conclusão do Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd). A cerimônia foi realizada nessa terça-feira (30), no Parque Municipal de Exposições.

A realização do programa é fruto de parceria entre a Polícia Militar, Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação, Conselho Municipal de Segurança e o Governo do Estado. Através da conscientização, o Proerd visa a prevenção e a resistência do aliciamento de usuários e traficantes e da violência. Para isso, envolve a escola, a família e a polícia. A formatura que reuniu cerca de 3 mil pessoas, contou com a entrega dos certificados, de prêmios aos alunos que destacaram-se nas redações e com a presença do mascote do programa, o Dare.

O prefeito Luiz Adyr comemorou a retomada do programa. “O último evento como este aconteceu em nosso município há 13 anos atrás e tenho a total certeza de que muitos que hoje estão prestigiando o evento, participaram e são frutos e resultado deste programa. O Proerd traz ensinamentos para a vida.”

O secretário de Educação, Jorge Manfroni também enalteceu a importância do programa. “É um momento de muita alegria poder reunir nossa comunidade escolar, representadas por nossas crianças, professores e pais, além de nossas autoridades locais e policiais do município e região. É noite de festa para a educação do município. Estamos ‘entregando’ à sociedade alunos preparados para saber diferenciar o caminho certo do errado no momento em que o assunto for o uso de drogas”, disse.

Para o Saulo Vinícius Hladyszwski, comandante da 5ª Companhia do BPEC, se faz necessários que os ensinamentos continuem sendo repassados e fazendo parte da formação das crianças. “Nosso objetivo é um futuro sem drogas. Ver estas crianças nesta noite empenhadas e prometendo não se envolver com as drogas é muito gratificante. Aqui, é o início. A partir de agora, é importante que a família dê continuidade”, reforçou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *